Unidades de Saúde de São Carlos continuam aplicando vacina contra a gripe

0

Mesmo após o término da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que teve início em 23 de abril e foi realizada até 22 de junho, as unidades de saúde de São Carlos (UBS’s) e as unidades de saúde da família (USF’s), que ainda possuem a vacina, continuam aplicando o produto.

Em São Carlos a cobertura fechou em 84,35%. O grupo das crianças (59,61%) e o das gestantes (60,83%) são os que apresentam as coberturas mais baixas. Já o grupo dos idosos (92,10%) e das puérperas (108,81%) são os com coberturas mais altas. No total foram aplicadas 64.140 mil doses da vacina, sendo 26.950 em idosos, 7.522 em crianças, 6.525 em trabalhadores da saúde, 1.429 em gestantes e 420 doses em puérperas, entre outros grupos.

“Como o Ministério da Saúde não está mais enviando doses da vacina para os estados e municípios vamos continuar vacinando até acabar nosso estoque. Nossa cobertura fechou em 81,31%, próximo a atingir a meta de 90%, porém dois grupos ficaram muito abaixo, caso das crianças até 5 anos e das gestantes, portanto chamamos atenção dos pais que ainda não levaram seus filhos para receber a dose e das gestantes, que ainda dá tempo para rebeber a imunização”, destaca achefe da Vigilância Epidemiológica, Kátia Spiller.

Seguindo a determinação do Ministério da Saúde, São Carlos também estendeu a vacinação para crianças de 5 a 9 anos e adultos de 50 a 59 anos. Os grupos prioritários também continuam na lista de prioridades. “Ressaltamos que o Ministério não vai enviar mais vacinas, os municípios vão atender com as doses ainda disponíveis, portanto é importante não demorar a procurar uma unidade de saúde”, alerta Kátia Spiller.

São Carlos já registrou 89 casos suspeitos de Síndrome Respiratória Aguda Grave em 2018. 16 casos foram confirmados (positivos) para Influenza (entre eles de 2 gestantes e 3 crianças), com 3 óbitos. Em 2017 foram registrados 41 casos suspeitos, mas nenhum óbito foi registrado por Influenza.

Share.

About Author

Leave A Reply