São Carlos abre Maio Amarelo e convoca sociedade para um trânsito mais seguro

0

 

“Nós somos o trânsito”. Esse é o tema do Movimento Maio Amarelo iniciado nesta quinta-feira (3), em São Carlos. O Movimento marca o começo das ações do Programa de Educação para o Trânsito de 2018 e tem como objetivo motivar toda a sociedade a adotar atitudes melhores para um trânsito mais seguro.

Para promover essa mobilização, a Secretaria de Transporte e Trânsito convocou um batalhão: secretarias de Educação, Comunicação, Governo, Diretoria de Ensino de São Carlos, Centro do Professorado Paulista (CPP), Câmara Municipal, Detran-SP, Polícia Militar, Diocese, COMESC (Conselho de Ministros Evangélicos de São Carlos), Suzantur, Sincor (Sindicato dos Corretores de Seguros no Estado de São Paulo), Seguradoras e Auto Escolas vão trabalhar juntas em prol de um trânsito mais seguro.

Durante o mês, várias atividades serão realizadas entre elas pedágios educativos, simpósios, palestras, exposição de carros batidos, aulas de educação para o trânsito nas escolas municipais e estaduais, explanação nas igrejas católica e evangélica. “Nosso objetivo é a redução dos acidentes de trânsito na cidade. Estamos mobilizando os mais variados setores para promover o engajamento da comunidade, sobretudo na diminuição dos acidentes de trânsito na cidade”, contou Coca Ferraz, secretário de Transporte e Trânsito.

Entre os parceiros, a Polícia Militar se destaca no trabalho de preservar vidas. “Um dos principais eixos do trabalho da Polícia Militar é proteger as pessoas. Quando você atua no trânsito, você trabalha essencialmente em proteger as pessoas dentro do que prevê o Código Brasileiro de Trânsito. Estamos inseridos nesse contexto de normatização e fiscalização do cumprimento dessas leis para preservar vidas. A parceria com a Prefeitura promove cidadania através da organização do trânsito. Essa sinergia reflete na qualidade de vida do cidadão. É preciso haver uma sinergia entre os órgãos atuando para estabelecer um conjunto bom para refletir na qualidade de vida do cidadão”, afirmou o tenente coronel Alexandre Wellington de Souza, comandante do 38º Batalhão da Polícia Militar do Interior.

Dentro da construção de um trânsito mais seguro, o investimento em educação é fundamental para a prevenção de acidentes, multas e até do estresse diário causado pelo trânsito. No Programa de Educação do Trânsito, crianças e adolescentes da rede municipal e estadual vão participar de palestras e ações educativas. “A rede estadual de ensino, num trabalho colaborativo com a Prefeitura, Detran-SP, Polícia Militar, Guarda Municipal e empresas estão fazendo formações nas escolas para que a gente tenha um trânsito mais seguro e tranquilo, onde as pessoas possam ir e vir e estar no trânsito com mais segurança”, explicou Ana Paula Borelli Matsumoto, representante da Diretoria de Ensino – Regional São Carlos.

Investimentos – Além do Programa de Educação para o Trânsito, a Secretaria de Transporte e Trânsito está investindo em outras áreas. “Hoje, são 4 pilares: engenharia, educação, esforço legal e engajamento da comunidade. Estamos trabalhando para que São Carlos tenha um trânsito modelo. Entre as ações físicas estão o sincronismo dos semáforos que já está sendo implantado e vai trazer mais segurança e fluidez para o trânsito. Temos estudos e projetos, vamos iniciar a licitação para remodelação da Praça Itália, Jesuíno de Arruda, avenida Henrique Gregori com a Pereira Lopes, dentre outras”, contou o secretário Coca Ferraz.

Share.

About Author

Leave A Reply