Guardas Municipais recebem certificado do curso de habilitação e para o uso de armamento

0
Os 160 agentes de São Carlos, divididos em 4 turmas, participaram de treinamento com aulas teóricas e práticas em técnicas operacionais, direção defensiva, defesa pessoal, armamento, munição e tiro - DIVULGAÇÃO

Os 160 agentes de São Carlos, divididos em 4 turmas, participaram de treinamento em técnicas operacionais, direção defensiva, defesa pessoal, armamento, munição e tiro – DIVULGAÇÃO

 

Os 160 agentes de São Carlos, divididos em 4 turmas, participaram de treinamento com aulas teóricas e práticas em técnicas operacionais, direção defensiva, defesa pessoal, armamento, munição e tiro.

A Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Governo e a Guarda Municipal de Campinas, entregou no último sábado (30), no Ginásio Milton Olaio Filho, o certificado de conclusão para os guardas municipais de São Carlos que participaram do curso de “Atualização e habilitação para o uso de armamento letal”.

O curso foi ministrado por instrutores da Academia da Guarda Municipal de Campinas Drº Ruyrillo de Magalhães, entre os dias 25 de novembro de 2015 e 29 de janeiro de 2016, com carga horário total de 80 horas/aula.

A capacitação foi ministrada pelos instrutores da GM de Campinhas José Wilson Simões, Diniz Almeida, Silvio Márcio Lavorato, Luiz Henrique de Oliveira e Izaqueil Matos Santos. Todos os instrutores receberam uma medalha da Prefeitura de São Carlos em agradecimento aos serviços prestados. Já o diretor da Academia da Guarda Municipal de Campinas e o vice-diretor, respectivamente Vanderlei Trabuco e Zêno Ridel, foram homenageados como uma escultura araucária, árvore símbolo do município.

Os guardas municipais de São Carlos Michael Teruo Yabuki, Luiz Carlos Ambrosino, Paulo Anselmo de Oliveira, Cristiane Vieira de Mattos Martins e Daine dos Santos de Godoy, representando toda a corporação, receberam os certificados das mãos do prefeito Paulo Altomani, do vice-prefeito Cláudio Di Salvo, do secretário de Governo, Waldomiro Bueno, dos vereadores Equimarcílias de Souza Freire, Rodson Magno e Maurício Ortega.

Segundo o comandante da Guarda de São Carlos, Marcos Marques Ribeiro, a capacitação é uma exigência para que futuramente a corporação tenha o porte de arma expedido. “Primeiro realizamos os testes psicológicos, na sequência os treinamentos e agora vamos protocolar o pedido de convênio na Polícia Federal em São Paulo e aguardar a vistoria deles, que checam a documentação e a reserva de armas”, confirma o comandante.

Paulo Sérgio da Silva, subcomandante da GM de São Carlos disse que a GM de Campinas já doou 60 revólveres calibre 38 para São Carlos. “Agora vamos pedir a liberação para o Exército do registro dessas armas, só assim poderemos receber a doação”, finaliza Paulo Sérgio. “Vocês são grandes vencedores. É muito importante a conclusão desse curso já que a atuação das corporações tende a se solidificar ainda mais dentro do contexto da segurança pública. A troca de experiência entre as instituições é importante para o aprimoramento dos cursos de formação oferecidos pelas guardas”, disse Vanderlei Trabuco, diretor da Academia da GM.

O prefeito Paulo Altomani parabenizou a corporação e agradeceu a parceria de Campinas e justificou o investimento na GM. “A iniciativa pretende melhorar as condições de trabalho dos agentes que hoje utilizam arma de choque não letal, prendendo marginais, nos órgãos públicos, recuperando veículos furtados e demais ocorrências que surgem. O armamento de fogo vai dar a eles mais segurança para combaterem a criminalidade. Além do mais, sabemos que os delinquentes andam armados. Em breve os nossos guardas estarão em pé de igualdade com eles. A ideia é proteger a população, não constranger e nem amedrontar”, afirma Altomani.

O prefeito anunciou, também, a abertura e de processo licitatório para a liberação de novos veículos e motocicletas para a GM, que deve contar, ainda, com emendas parlamentares.

Também participaram da solenidade o vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Marquinho Amaral, Major Adalberto do 38º Batalhão da Polícia Militar, 1º Tenente Franco, delgado do Serviço Militar, 1º Sargento do Tiro de Guerra e chefe de instrução, Maurício Ricardo da Silva, o representante do deputado federal Lobbe Neto, assessor Paulo Melo, o secretário municipal de Esportes, Antonio Rubens Ratti e Renato de Barros, presidente da OAB São Carlos.

Share.

About Author

Leave A Reply