COLISÃO EM RODOVIA MINEIRA MATA 2 ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS E UMA MÉDICA; UMA DAS VÍTIMAS É DE SÃO CARLOS

0

Acidente também matou uma médica de MG e deixou cinco feridos.
Veículos bateram de frente na MG-050 na noite de sexta-feira (19).

Do G1 São Carlos e Araraquara

Alunos da Unesp, Murilo Rosendo e Luis Bossolan morreram no acidente (Foto: Reprodução/Facebook)

Alunos da Unesp, Murilo Rosendo e Luis Bossolan morreram no acidente (Foto: Reprodução/Facebook)

Dois estudantes da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Araraquara (SP) morreram e outros três alunos ficaram feridos após uma colisão na rodovia MG-050, entre Divinópolis e Formiga, na noite de sexta-feira (19). O grupo estava em um Fiat Pálio que bateu de frente com um GM Tracker. O acidente no km 165 também matou uma médica de 51 anos e deixou outras duas pessoas feridas.

Colisão aconteceu na rodovia MG-050, entre Divinópolis e Formiga (Foto: Polícia Rodoviária/Divulgação)
Colisão aconteceu na MG-050, entre Divinópolis
e Formiga (Foto: Polícia Rodoviária/Divulgação)

Morador em São Carlos (SP), Murilo Costa Rosendo da Silva, de 20 anos, cursava administração pública. Já Luis Eduardo Góes Monteiro Bossolan, de 23 anos, era estudante de economia da Unesp e morava em Campinas.

Os outros três estudantes que ficaram feridos são Ícaro Gabriel Manzini Martins e Victor Oliveira e Silva, alunos do curso de economia, e Fabrício Marchese Santos, aluno do curso de administração pública, informou a Unesp em nota.

O acidente
A colisão aconteceu por volta das 21h. De acordo com a Unesp, o grupo seguia para a cidade mineira de Nova Lima para realizar uma pesquisa. A Polícia Militar Rodoviária (PMR) informou que chovia no momento do acidente. Segundo o soldado Felipe Sales, testemunhas relataram que o Pálio rodou na pista, invadiu a faixa oposta e bateu de frente com o GM Tracker.

Veículos colidiram em MG (Foto: Polícia Rodoviária/Divulgação)
Veículos colidiram no km 165 da rodovia de MG na
noite de 6ª feira (Foto: Polícia Rodoviária/Divulgação)

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Divinópolis. “Duas faleceram no local e uma faleceu enquanto era encaminhada para lá”, relatou o soldado Sales.

A médica que morreu trabalhava na Santa Casa de Formiga. Um homem de 39 anos e uma criança de 5 anos que estavam com ela no GM Tracker foram atendidos e liberados. Os três alunos da Unesp que sobreviveram ao acidente também foram medicados e liberados neste sábado (20), informou a UPA.

Share.

About Author

Leave A Reply