A CPI da Corpo e Alma terminará com “P” de Pizza ou de Punição?!? Vereadores às voltas com o Pacotão de Penha!!!

0

 

Marco-Rogério-Duarte

 

 

O que está acontecendo com a CPI da Corpo e Alma???  Não quero acreditar nos comentários de bastidores que apontam para um “acordão” regado à pizza para salvar a pele do caubói Julio César..

 

Marco Rogério

 

Corpo e Alma 1

Às vésperas das eleições de 2014, o empresário Airton Garcia (PSB) reuniu provas e a Rádio São Carlos denunciou um escândalo com possíveis irregularidades e indícios de corrupção na ONG Corpo e Alma.

Corpo e Alma 2

O lúcido vereador Aparecido Donizete Penha (PPS) recebeu farta documentação sobre o escândalo e pediu a abertura de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar o caso.

Corpo e Alma 3

O escândalo envolve diretamente e pode atingir de morte política o vereador Júlio César Pereira de Souza (DEM), campeão de votos em 2012, quando obteve mais de 5.000 votos para vereador com uma campanha prá lá de milionária com direito a desenhos animados no programa de TV, numa produção holiywoodiana…

Corpo e Alma 4

O pivô da crise seria um tal de Rafael, que seria primo de Júlio César. Nos bastidores dizem que Júlio César estaria envolvido até a medula no caso, com desvios de recursos públicos das chamadas “emendas parlamentares”. Será? Perguntar não ofende!

Segredo de Justiça

A verdade é que esta CPI não vem há tempos cheirando bem. Primeiro um advogado conseguiu, no Poder Judiciário, “segredo de Justiça”, o que fez com que as reuniões da CPI, pela primeira vez na história da Câmara Municipal de São Carlos fossem feitas às escondidas, sem imprensa e sem nenhum cidadão fora da comissão podendo conhecer os trabalhos.

Aniversário

Em outubro de 2015 a CPI da Corpo e Alma completou o seu primeiro aniversário. Nos bastidores membros da CPI teriam dito que as provas existentes podem levar à cassação do mandato do vereador Julio César. Por sua vez, o vereador em alto e bom som, disse a amigos que, caso venha a ser cassado, levará outros vereadores com ele, que segundo ele, também cometeram irregularidades nas famosas “emendas parlamentares”.

 

Pizza à vista???

O fato é que de uns tempos para cá ninguém mais fala no assunto. O empresário Airton Garcia,denunciou recentemente as emendas bumerangue, onde alguns vereadores destinariam emendas a entidades e depois buscariam parte do dinheiro enviado. O próprio Airton afirma que a CPi deve acabar numa “grande pizza”. Será???

 

Como seria a pizza

A pizza, no caso, seria um relatório contraditório, mal redigido e que não destacasse as provas que pudessem levar (se houver comprovação) à cassação do mandato de Julio César e punição dos demais envolvidos.  Dizem que nos bastidores já foi costurado um “acordão” para que a CPI não dê em nada…

 

“P” de Pizza ou de Punição?

Recentemente o vereador Penha afirmou que deixaria a política, não se candidatando à reeleição. Será que ele teria feito tal afirmação desanimado por ter que participar do chamado “acordão”??? Sinceramente eu não creio nisso, pois acredito na seriedade do vereador Penha e não consigo enxergá-lo como “pizzaiolo” e artífice de um suposto ardil corporativista, escuso, canalha e criminoso. Se alguém cometeu irregularidades que seja punido, seja quem for e doa a quem doer!!!

 

Abaixo de zero

E por falar em Penha o seu Pacotão de Carnaval, que promete a economia de R$ 5 milhões para o próximo mandato com redução do número de vereadores, do número de assessores e de redução de salários de prefeito, vice, secretários municipais e vereadores, podemos dizer que as chances de aprovação na Câmara Municipal estão abaixo de zero.

 

Pressão

É bem verdade que haverá pressão contra os vereadores  para a aprovação das mudanças.  Os ativistas Renato Andrade, Leandrinho World Dance e outros devem fazer bastante barulho e agitar as sessões da Câmara.

 

Caçadores de argumentos

A maioria dos vereadores, é óbvio, já estão à caça de argumentos jurídicos para tentar barrar os projetos de Penha, tentando manter o status quo atual, mas devem levar muita porradas (no sentido figurado, lógico) nos próximos meses…

 

De heróis a vilões

E isso vai ocorrer justamente agora, em que os vereadores se sentiam os verdadeiros “heróis da Bíblia” por terem praticamente sepultado a concessão do SAAE neste mandato. Como diria Capitão Nascimento, “mas quem disse que a vida é fácil”.

 

Abismo à vista…

Aliás, uma provável “pizza” na CPI da Corpo e Alma e a rejeição ao Pacotão de Penha poderão selar o destino de vários vereadores. O desgaste da atual Casa é muito grande e muitos analistas já projetam uma renovação de pelo menos 50%.

 

Chuvas de granizo…

Caso as previsões do tópico anterior se confirmem o que não vão faltar serão panfletos denunciando os pizzaiolos da Corpo e Alma e os parlamentares que defendem a Casa com 21 vereadores e os atuais salários. Tempestades de granizo à vista no horizonte…

 

Marquinho X Altomani 1

Após as declarações do vereador Marquinho Amaral (PSDB) sobre o prefeito Paulo Altomani, das duas uma: ou o prefeito é bandido, corrupto e malandro ou Marquinho é mentiroso, leviano e caluniador!

 

Marquinho X Altomani 2

Marquinho afirmou, na tribuna da Câmara, que Altomani lhe oferecera uma propina de R$ 2 milhões para que ele, então como presidente da Câmara, apoiasse a concessão do SAAE. Porém, Marquinho, no mesmo discurso, disse que não tem provas e que tem a sua palavra contra a do prefeito.

 

Marquinho X Altomani 3

Alguns acham que Marquinho, que será processado por calúnia, injúria e difamação, se fia no ex-secretário de Governo e seu assessor-mor, Julio Soldado, que seria seu “grande trunfo” como “testemunha”.

 

Ás na manga

Sinceramente não acredito nisso. Da forma como Julio Soldado foi espinafrado do governo municipal, sua palavra, na minha opinião, neste caso, valeria tanto como uma nota de R$ 3. Eu tenho outra opinião.

 

Decisão do STF

Na minha opinião, Marquinho deve apostar em se proteger com a decisão do Supremo Tribunal Federal (SFT). Por 8 votos a 1, o STF decidiu, no ano passado, ao julgar um caso de Tremembé (SP), que o vereador não pode ser processado na esfera civil por manifestar suas opiniões desde expresse suas opiniões durante a atividade legislativa. Neste caso caberia à própria Câmara dos Vereadores promover a punição.  Mas como decisões judiciais mudam ao sabor do vento, algo me diz que esta novela ainda terá muitos capítulos…

 

 

 

OBRIGADO A TODOS OS LEITORES!

 

E não se esqueça: se gostou da coluna indique aos amigos, mas, caso não tenha gostado, indique aos inimigos!

 

Até sexta-feira…

 

 

 

Share.

About Author

Leave A Reply